Logo da Escola Superior da Tecnologia da Informação

ESCOLA SUPERIOR DA
TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

INSTITUTO INFNET

Logo da Escola Superior da Tecnologia da Informação

ESCOLA SUPERIOR DA
TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

INSTITUTO INFNET

Vida na escola

Aluna do Instituto Infnet é destaque no mercado de trabalho

Mas gostaram. Parabéns por ter deixado a sua marca na Huawei, Yasmin!

Quando assinei o termo conclusão de estágio de uma aluna nossa na Huawei, não tive dúvidas: perguntei ao meu amigo Rodrigo se estávamos bem representados. Ele me passou o contato do chefe dela, Bruno Amaral, que me escreveu:

“Yasmin estagiou conosco durante entre Abr/2017 à Mai/2018 e neste período demonstrou capacidades que contribuíram significativamente a nossos projetos, podendo ressaltar:

Conhecimentos Técnicos. Desde o início, já demostrou conhecimentos técnicos suficientes as demandas, podendo rapidamente executá-las de forma independente sem a necessidade comum de supervisão contínua, que estagiários geralmente demandam, superando nossas expectativas.

Atitudes Profissionais. Esteve sempre disponível e disposta a realizar as atividades, buscando entender detalhadamente as necessidades solicitadas dentro de seu núcleo de trabalho. Ressalto aqui sua capacidade em conseguir atender a dinâmica imposta pelo ritmo das atividades, que por vezes é desafiante até mesmo aos mais experientes.

Por fim, acreditamos que tais competências sejam resultado de seus esforços pessoais em conjunto com sua formação educacional.”

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
ESTI
rafaelasilva

Manual do Aluno

Abriu o Manual do Aluno, mas está com preguiça de ler todas as 45 páginas? A gente te ajuda! Atendendo a pedidos, o nosso documento

Leia mais »
dicas
Andre Kischinevsky

Você se importa com o QI?

Quem acha que não consegue emprego porque falta QI – “Quem Indica”, na linguagem popular – está se iludindo. É confortável consolar-se no imaginário brasileiro

Leia mais »
desenvolvimento de software
Andre Kischinevsky

Alunos que deixam marcas

Alguns alunos não “passam” pelo Infnet. Eles vêm e criam uma história com a gente. O Luis Edgar Baims é um desses alunos, com um relacionamento único

Leia mais »