Vida na Escola

Conheça o projeto PyLadies

Python é uma excepcional oportunidade de carreira (e de diversão para nós, nerds e geeks).

É uma das linguagem de maior crescimento, especialmente nos mercados mais desenvolvidos. Nos últimos cinco anos, o número de perguntas sobre Python dobrou no Stack Overflow, enquanto as de C# caíram pela metade e as de Java se mantém estáveis.

Nesse mesmo período, tem funcionado o PyLadies do Rio de Janeiro. É um grupo de mentoria em programação que ajuda mulheres a se tornarem participantes ativas na comunidade open-source Python, e é associado à PyLadies internacional.

Apesar de não ser exclusiva para mulheres, a missão central é impulsionar a diversidade em um mercado que tradicionalmente tem menos mulheres atuando. O grupo trabalha com sensibilização, educação, conferências, eventos e reuniões sociais. E, mais do que isso, provê uma rede de suporte amigável às desenvolvedoras. O homens são bem-vindos quando há vagas nos eventos.

O grupo conta com a participação de alunas e professoras do Infnet e promove encontros gratuitos de programação uma vez ao mês. O Instituto tem a honra de ser anfitrião de muitos destes eventos. Os próximos serão nos dias 18/ago, 22/set, 20/out e 17/nov, aqui na sala SJ213, de 13h00 às 17h00.

O principal canal de comunicação é o grupo do Telegram, com 178 participantes. A inscrição para os eventos é feita no MeetUp: https://www.meetup.com/pt-BR/PyLadies-Rio-de-Janeiro/

Python está na crista da onda. E o PyLadies é um simpático apoio para ajudá-la (e ajudá-lo?) a surfar.

, , , , , ,

Deixe sua opinião

avatar
  Assinar  
Notificar de

LEIA TAMBÉM

Menu