ESTI | Escola Superior da TI

ESCOLA SUPERIOR DA
TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

INSTITUTO INFNET

Vida na escola

Bate-papo com nossa aluna Camila Jannuzzi

Camila Jannuzzi, nossa aluna da graduação em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, já teve a oportunidade de experimentar várias atividades, mas só sentiu-se realizada quando iniciou sua jornada com a TI.

“Meu primeiro encontro com a TI aconteceu por meio da minha mãe, uma profissional com pós-graduação na área. Naquela época, o campo que me atraía era o da saúde. Aos 17 anos, ingressei em um curso técnico de enfermagem e, aos 19, já estava trabalhando no setor. No entanto, sentia que aquilo ainda não preenchia completamente minhas aspirações. Decidi então me aventurar na faculdade de Medicina Veterinária em 2014. Trabalhando nesse meio, comecei a perceber que algo ainda me faltava.”

Apesar de já conhecer a área pela vivência de sua mãe, Camila contou que seu marido foi quem apresentou a fundo o tema.

“Foi só quando conheci meu marido, um profissional com bastante experiência em TI, hoje desenvolvedor sênior mobile IOS, que descobri o que realmente me faltava. Ele me apresentou ao vasto universo de oportunidades que essa área oferece. Ao vê-lo trabalhar remotamente para uma empresa internacional, desfrutando de uma remuneração robusta, passei a almejar uma trajetória similar.”

Bate-papo com nossa aluna Camila Jannuzzi

A estudante explicou que também conheceu o Infnet através do marido.

“Ele sempre me falou que, quando iniciou sua graduação, tinha o desejo de ser um aluno do Infnet. Embora isso não tenha sido possível, ele sempre teve grande admiração pela Instituição, uma reputação que já era sólida em 2007.”

Inspirada pela trajetória do companheiro, Camila se matriculou no curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas com o objetivo de se tornar desenvolvedora web.

“Estou encantada com as disciplinas de HTML e CSS, ministradas pelo professor Cidcley. A experiência é tão imersiva que você já se sente integrado a um ambiente profissional, algo que a estrutura do Infnet facilita de maneira excepcional.”

Para finalizar, nossa aluna deixa um conselho especial para quem está iniciando agora.

“Hoje, com toda a convicção, posso recomendar o Infnet como a instituição ideal para quem deseja ingressar no fascinante mundo da TI. Tenho certeza de que a Camila daqui a dez anos não mudará nenhuma de suas decisões, pois o caminho que se desenha à minha frente é promissor, repleto de oportunidades e sucesso.”